O Processo Judicial Eletrônico da Justiça do Trabalho – PJe-JT foi implantado, no último dia 9, na Vara do Trabalho de Itapetinga, Bahia. O Pje-JT foi desenvolvido pelo Conselho Nacional de Justiça – CNJ, o Conselho Superior da Justiça do Trabalho – CSJT e diversos tribunais brasileiros. O sistema traz maior comodidade aos usuários, pois os processos passam a ser realizados pela internet com o uso do certificado digital no padrão da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil.

O Pje-JT também deve ser iniciado nas Varas do Trabalho de Vitória da Conquista ainda este ano. Com o sistema, o uso do papel fica restrito às ações antigas e pagamentos. O PJe-JT já funciona em dez cidades da Bahia, Salvador, Itabuna, Ilhéus, Candeias, Santo Amaro, Alagoinhas, Camaçari, Feira de Santana, Senhor do Bonfim e Juazeiro.

O PJe-JT permite uma melhor visão do fluxo de procedimentos. Além disso, o sistema promove mudanças em toda a estrutura da Justiça do Trabalho, uma vez que extingue tarefas como carimbar e manusear a papelada. Além de agilizar os processos, essa nova forma de trabalho traz vantagens para os cofres públicos e para o meio ambiente.

Fonte: ITI

 
Revisão v. 1.0